quinta-feira, 25 de agosto de 2016

Dr. Pinheiro e Eliésio invadem Ruas de Apodi com um verdadeiro carnaval fora de época





Um verdadeiro carnaval fora de época aconteceu na noite desta quinta-feira 25 promovido pelos candidatos da coligação APODI QUE QUEREMOS, Dr. Pinheiro (SD) e Eliésio de Bom (PHS), saindo do Bairro Malvinas, cortando a cidade e terminando no Bairro de Lagoa Seca nas imediações da sede do legislativo apodiense.

Na esquinas o povo acenava, vibrava confirmando toda euforia da vitória dos candidatos da coligação.

No trajeto muita gente caiu na folia, aderindo ao clima contagiante do “chamado corredor da folia”, colorido de laranja, azul e branco.

Em sua fala Dr. Pinheiro reforçou que está preparado para ser prefeito de Apodi pela quarta vez, deixando claro que esse é um desejo do povo.

“Temos aqui pessoas de bem, que sabem o que é melhor para Apodi, que votarão pela retomada do desenvolvimento de Apodi”, frisou Eliésio de Bom, candidato a vice-prefeito.

Outras manifestações dos postulantes ao executivo apodiense acontecerão segunda e quinta próxima, já no dia 10 de setembro os caravaneiros realizarão uma grande concentração.

Câmara Municipal de Apodi vota pelo afastamento do prefeito Flaviano Monteiro (PCdoB)



Em conclusão ao processo de CPI (Comissão Parlamentar de Inquérito), o poder legislativo apodiense votou nesta quinta-feira 25, o relatório final da (CPI) que pede o afastamento do chefe do executivo apodiense durante sessão ordinária.

O primeiro secretario da casa e relato da comissão vereador Ângelo de Dagmar (SD), leu o relatório na tribuna que pede o afastamento do prefeito por não apresentar informações pedidas pela casa legislativa, no total de oito Requerimentos não atendidos.

A denuncia foi apresentada pelo senhor Igor Bandeira, por entender que o chefe do executivo não cumpriu com as leis que regem a casa legislativa.

Os vereadores da situação contestaram a questão de o prefeito ter sido convocado para um julgamento, quando na verdade a CPI que foi para pauta foi outra, do ano de 2014, que está paralisada por força de um mandato judicial.

Seguindo o regimento interno da casa, a votação se deu de forma nominal com cada vereador apresentou seu voto, a favor ou contra o afastamento do gestor.

Primeiro foi votado a questão o cometimento ou não de ato de improbidade administrativa, que foi aprovado por 9 votos favoráveis e 4 abstenções.

Em seguida em votação o processo de afastamento do prefeito Flaviano Monteiro (PCdoB), obteve o mesmo placar da votação anterior, ou seja, 9 votos favoráveis e 4 abstenções.

Os vereadores da situação, se abstiveram da votação afirmando ilegalidade do processo,  ressaltando através da assessoria jurídica que entrarão ainda hoje na justiça com o pedido de nulidade da sessão, em detrimento de irregularidades.

Após aprovado o afastamento, o decreto legislativo foi lido pelo vereador presidente da casa Filho Neto (PPS), convocando o vice prefeito José Maria Silva (PSD), a tomar posse amanhã 26, na sede do legislativo.

A comissão foi composta pelo relator Ângelo de Dagmar (SD), Genivan Varela (PCdoB) membro e Laete Oliveira (PTN) presidente.

quarta-feira, 24 de agosto de 2016

Deputado Kelps critica falta de política pública voltada para o turismo religioso

Uma política voltada para o turismo religioso, que segundo o deputado Kelps Lima (Solidariedade) não existe no Estado, serviu de tema para o pronunciamento do parlamentar na sessão plenária da Assembleia Legislativa, nesta quarta-feira (24). De acordo com a fala de Kelps, a ausência dessa política pública específica, tanto por parte do Governo como da prefeitura de Natal é tão patente que o então Papa João Paulo II esteve aqui, há 25 anos e não há nada que registre essa visita.

“A vinda de João Paulo II registrou uma grande celebração em Natal, como aconteceu em todas as cidades do mundo. A visita do Papa mais carismático deste século e do século passado é um fato ignorado, mesmo com o potencial turístico religioso, exatamente pela falta de uma política para o setor. Um santo andou pelas ruas de Natal, mas falta visão estratégica do governo do Estado e da Prefeitura de Natal”, afirmou o parlamentar.

Kelps disse que existe um potencial para o turismo religioso, mas não há incentivo do poder público. Lembrou que em Santa Cruz, na região Trairi existe a maior estátua religiosa do mundo e a Prefeitura investe nesta área, o que possibilitou o aumento considerável de pousadas. Antes eram quatro e agora já são 14. Lembrou ainda que o poder municipal está investindo em um teleférico de acesso ao santuário, em parceria com o Governo Federal.

“Estive em Santa Cruz na festa de Santa Rita de Cássia e naquele dia chegaram à cidade 542 ônibus transportando visitantes para o santuário. No caso de Natal o turista chega aqui, dorme em Natal e no dia seguinte vai para as outras cidades. Natal tem a natureza que é dela. Nenhum político fez isso. No entanto não há uma política pública para o turismo religioso”, concluiu Kelps.

Pesquisa do projeto Bramar avalia a utilização reúso de água hipersalina na produção de mudas de mangue no Ceará

A escassez hídrica atual na região semiárida, que desde 2012 vem causando uma diminuição nos índices pluviométricos, gera a necessidade de busca de alternativas para uso da água, como é o caso das tecnologias de uso de efluentes salinos, domésticos e industriais.

As pesquisas voltadas para o reúso de águas hipersalinas apontam para estratégias inteligentes no reflorestamento de áreas degradadas de manguezal. As águas hipersalinas são aquelas que circulam em tanques de cristalização atingindo altas concentrações de sódio e precisam ser descartadas nos corpos hídricos ou recirculadas nos tanques de sal. Estes efluentes são fontes potenciais de nutrientes contendo altos teores de sódio, potássio, cloreto, sulfato e magnésio.

No Departamento de Ciências Ambientais da Universidade Federal do Semiárido (Ufersa), em Mossoró (RN), o pesquisador Lucas Ramos da Costa desenvolveu a pesquisa “Uso de águas hipersalinas na produção de mudas de mangue branco”. O estudo está ligado ao projeto Bramar da Universidade Federal de Campina Grande (UFCG) e ao Programa de Mestrado em Manejo água e Solo da Ufersa. O Bramar é um projeto em rede de cooperação entre Brasil e Alemanha que tem como um dos objetivos analisar o potencial e avaliar os efeitos da aplicação de efluentes na produção de cultivos agrícolas, forrageiras e florestais no Nordeste brasileiro.

A pesquisa

A pesquisa avaliou a utilização de águas hipersalinas na produção de mudas de mangue branco (Laguncularia racemosa) na área rural do Semiárido, e foi implantada na comunidade de Requenguela, em Icapuí (CE). Foram comtempladas 30 famílias com o projeto de reflorestamento de áreas degradadas, que receberam 200 mudas provenientes da finalização da pesquisa.

As variáveis analisadas foram: número de folhas, diâmetro do caule e altura da planta.  O experimento foi realizado em 360 plantas, divididas em 24 blocos contendo 15 plantas cada um, que receberam 10 litros de água hipersalina diluída em água de abastecimento urbano por dia. Ao todo foram realizadas seis diluições.

Os resultados finais revelam que o crescimento do número de folhas é significativo com relação às amostras que receberam água com alto teor de salinidade, que cresceram cerca de 3 folhas por planta. Comparativamente, as amostras que receberam apenas água de abastecimento urbano apresentaram um crescimento médio de 15 folhas por planta.

No que diz respeito à altura da planta houve um crescimento mais de 100 %, com base nos dados iniciais das mudas, irrigadas com 2,400 litros de água hipersalina diluída, mediam 7 cm, sendo que no estágio final o resultado obtido foi o crescimento de cerca de 17 cm.

De acordo com o pesquisador, o estudo concluiu que as amostras irrigadas com 5.300 litros de água salina diluídas apresentaram os melhores resultados, as medidas de diâmetro do caule no início mediam 2,0 milímetros, após os testes as amostras chegaram a 3,5 milímetros de diâmetro.

Esta alternativa de reúso pode proporcionar um fim nobre ao efluente despejado nos mananciais hídricos, reduzindo os impactos ambientais causados por essa prática.

Segundo Lucas Ramos, o papel social desta pesquisa proporciona benefícios sustentáveis para a sociedade, sendo evidente o caráter ecológico. E demonstra uma atividade tão atual que é a reutilização da água, evidenciando o uso racional deste recurso tão importante para a manutenção da vida, destaca o pesquisador.

Sábado tem festa no Assentamento Aurora da Serra em Apodi


Preços de frutas e hortaliças ficam mais baixos em julho

Os consumidores estão encontrando frutas e hortaliças por preços mais vantajosos em diversos Estados do País. Pelo terceiro mês consecutivo, por exemplo, o mamão apresentou queda de dois dígitos percentuais em sete das oito centrais de abastecimento analisadas pela Companhia Nacional de Abastecimento (Conab).

Nesta terça-feira (23), a Conab divulgou o 8º Boletim Prohort de Comercialização de Hortigranjeiros, com informações sobre os valores cobrados nos principais entrepostos dos Estados de São Paulo, Minas Gerais, Rio de Janeiro, Espírito Santo, Ceará, Paraná e no Distrito Federal.

No Rio de Janeiro, a queda do preço do mamão chegou a 38,72% no mês de julho. Laranja e maçã também seguiram tendência de recuo nos preços, devido ao aumento na oferta dos produtos. A queda no preço da laranja só não foi maior por causa do período de intensificação na produção de suco.

No caso da maçã, a oferta cresceu na metade dos mercados analisados, o que fez os valores caírem em Belo Horizonte (MG), Campinas (SP), Vitória (ES), Curitiba (PR) e no Distrito Federal.

Hortaliças

Batata, cebola e alface ficaram mais baratas também. A queda nos preços se deve a menores variações de temperaturas. O frio e a chuva foram menos intensos, o que beneficiou a produção e a colheita das hortaliças.

De acordo com o boletim, os preços do tomate, cebola e cenoura estão em patamares próximos ou até inferiores a de 2015. A cebola atingiu os preços mais baixos deste ano e caiu 41,6% na Ceasa mineira.

Enquanto que para a alface, batata e cebola, o movimento descendente de preço foi unânime, tomate e cenoura sofreram aumentos pontuais: em Fortaleza, o tomate aumentou 3,65%; no Rio de Janeiro, a cenoura subiu 15,88%.

Fonte: De Fato.

Direção da Cadeia Pública de Natal descobre túnel do tamanho de um campo de futebol

O túnel descoberto na Cadeia Pública de Natal na noite da última terça-feira, 23, tem cerca de 100 metros, do tamanho de um campo de futebol.

A informação foi repassada pela diretora da unidade prisional, a agente penitenciária Dinorá Simas, ao portal G1 na capital.

Segundo ela, o cálculo feito pela direção foi bem menor do que o encontrado.

"Era bem maior do que pensávamos. Inicialmente, calculamos algo em torno de 30 metros, mas, ao medirmos a real distância, percebemos que era do tamanho de um campo de futebol. Tem uns 100 metros”, disse Dinorá a publicação natalense.

O plano de fuga dos detentos foi descoberto devido ao calçamento de paralelepípedos ceder no meio da rua. "Foi por causa disso que descobrimos o plano de fuga. A informação que nós temos é que o túnel iria sair dentro de uma casa", revelou.

A escavação foi aberta a partir do pavilhão A, que possui 230 presos. Em todo o presídio, são 570 detentos. Ninguém fugiu. 

Dentro do túnel foram encontrados diversos lençóis que estavam sendo usados para facilitar a locomoção dos detentos e a retirada da areia. Toda a terra removida com a escavação foi depositada dentro de uma cela. 

Fonte: De Fato.

Alunos do Campus Apodi desenvolvem Sistema para Gerenciamento de Leilões Agropecuários

Na economia contemporânea a prática de leilões representa um papel cada vez mais importante como instrumento de alocação de bens. O setor público, por exemplo, se utiliza bastante dessa modalidade, quer seja na venda de títulos ou aquisição de bens e serviços. O Campus Apodi do IFRN, ao longo dos anos, vem realizando leilões com ofertas de suínos, ovinos e caprinos para criadores da região. 

No entanto, a Direção de Gestão da Unidade Agrícola-Escola, setor responsável pela realização de tais leilões, utilizava planilhas manuais e eletrônicas para fazer o controle dos mesmos. Tais instrumentos não ofereciam facilidade de acesso ou modificação dos dados desses leilões, restringindo a confiabilidade e a segurança das informações. Outrossim, o uso de planilhas dificultava o compartilhamento de informações bem como a integração de dados.  

Nesse sentido, os alunos Anderson Gurgel, Bruna Oliveira e Rebeca Paiva, concluintes do Curso Técnico Integrado em Informática, orientados pelo docente Cleone Lima, desenvolveram um Sistema Computacional para o Gerenciamento de Leilões Agropecuários. Dentre as funcionalidades do sistema destacam-se: o cadastro de participantes, de animais, de lotes, o registro de lances, o histórico de lances, a geração de relatórios e a emissão de ata. É importante salientar que a ferramenta desenvolvida pode ser utilizada em diversos dispositivos eletrônicos (tablets, celulares e computadores).

O sistema foi utilizado, pela primeira vez, no 4º leilão ocorrido no dia 12 de agosto e foi muito bem avaliado pelos usuários, que de forma inédita, emitiram seus relatórios em tempo real.

O próximo passo será apresentar esse projeto em encontros científicos. 

Fonte: IFRN Apodi.

terça-feira, 23 de agosto de 2016

Prefeito e secretário de Apodi devem evitar emitir licenças para determinados loteamentos

O Ministério Público do Rio Grande do Norte (MPRN), por meio da 1ª Promotoria de Justiça da Comarca de Apodi, emitiu Recomendação ao prefeito e ao secretário de Obras deste município, para que estes não mais concedam licença para loteamentos situados em Zona Urbana Consolidada, Zona de Consolidação Urbana e Zona de Expansão Urbana, em tamanho inferior a 125m² por lote, limite mínimo previsto na Lei Federal n.º 6.766.

A Recomendação foi emitida levando em consideração que a Promotoria de Justiça tomou conhecimento, por intermédio de ofício, que a Prefeitura Municipal de Apodi está concedendo Alvará de Loteamento em Zona Urbana Consolidada, em desconformidade com o Plano Diretor Municipal, posto que está exigindo dos empreendedores área mínima de lote na medida de 60m², quando, na verdade, deveria exigir a medida de lote em 360m², em conformidade com a Lei Municipal nº 479/2006.

A Promotoria de Justiça considerou também que os lotes situados em Zona Urbana Consolidada, Zona de Consolidação Urbana e Zona de Expansão Urbana não poderão ter tamanho inferior ao limite mínimo previsto na lei federal do parcelamento do solo urbano (125m²), bem como deverão ser compatíveis com os limites fixados no Plano Diretor do Município de Apodi (360m²).

Qualquer legislação municipal que estipule área inferior àquela prevista na Lei n.º 6.766/1979 é considerada ilegal, por contrariar previsão expressa da lei federal que trata do parcelamento do solo urbano. Desta forma, o município não poderá conceder licença para loteamentos com base em uma suposta legislação municipal que fixa o limite mínimo de 60m².

A recomendação prevê ainda que prefeito e secretário somente emitam licença em conformidade com o Plano Diretor do Município de Apodi, que exige do loteamento a área mínima de 360m² por lote, conforme Lei Municipal nº 479/2006, tendo em vista que a Prefeitura não pode conceder licença para loteamentos exigindo destes o limite mínimo de 60m².

Além disso, foi estabelecido o prazo de 10 dias úteis para que sejam prestadas informações ao MPRN acerca das providências adotadas em cumprimento à Recomendação, sob pena de serem tomadas as medidas cabíveis, inclusive pela via judicial.

Fonte: Jornal De Fato.

Kelps requer medidas de combate à violência contra a mulher

A onda de assassinatos contra mulheres voltou a ser tema de pronunciamento do deputado Kelps Lima (Solidariedade), nesta terça-feira (23), na Assembleia Legislativa. De acordo com o deputado, onze mulheres foram vítimas de feminicídio em onze dias.

“Essas mulheres foram assassinadas pelo simples fato de ser mulher. O Governo não tomou medidas. Se não tivermos cuidado, vamos viver em uma sociedade sem lei, onde as minorias não serão respeitadas”, disse Kelps.

O deputado destaca que três das mulheres que foram assassinadas estavam sob medidas protetivas, mas o Estado não garantiu essa proteção. “Antes de serem assassinadas, com certeza essas mulheres sofreram algum tipo de agressão, mas nada foi feito. É preciso conter desde o pequeno crime”.

Kelps Lima apresentou um projeto de lei para que a medida protetiva seja invertida. A iniciativa autoriza a Justiça a colocar tornozeleira eletrônica em homens que agridem mulheres.

“Com a tornozeleira, os pretensos agressores vão ter mais controle pela sociedade. Todas às vezes que se aproximarem da vítima que ameaçaram, as autoridades vão ser avisadas pelo sistema eletrônico e poderão ordenar a prisão imediata, antes que ocorra a tragédia”, justificou Kelps.

O parlamentar também disse que o Estado precisa investir em campanhas educativas para incentivar a denuncia de casos de agressão, além de equipar a delegacia das mulheres.

Em aparte, a deputada Cristiane Dantas (PCdoB) afirma que esses crimes são reflexos de uma sociedade machista e que esse debate já está sendo feito nas escolas através da Secretaria Pública das Mulheres.

“Devemos tratar esses problemas coibindo a violência dos agressores. Várias ações estão sendo tomadas e o Governo está fazendo a parte dele, mas precisamos de muito mais, como Casa de Acolhimento e mais delegacias”, disse Cristiane. 

Foto: João Gilberto.

Câmara Municipal de Apodi sediará evento que reunirá candidatos a prefeitos e vereadores


A sede do legislativo apodiense abrigará um encontro entre postulantes a cargos de prefeitos e vereadores de Apodi no próximo dia 12 de setembro, uma proposição do SINTRAPMA, com apoio da FETAM, CMA e outras entidades sindicais.

O intento é fazer com que os postulantes a cargos eletivos assinem um documento, onde se comprometem com causas primordiais para uma administração humanizada, em especial com os servidores públicos de Apodi.

“É um momento oportuno para todos, onde ouviremos propostas e teremos um compromisso dos nossos candidatos”, disse Ozamir Lima, presidente do SINTRAPMA.

O presidente da casa legislativa, vereador Filho Neto (PPS), acatou a ideia do sindicato, e colocou a casa a disposição.

Sem extensão, Mais Médicos corre risco de perder pelo menos 2 mil estrangeiros

Municípios brasileiros que participam do Programa Mais Médicos correm o risco de perder pelo menos 2 mil profissionais a partir do dia 30. Daqui a uma semana, no dia 29, termina o prazo para que o Congresso Nacional aprove o projeto que converte em lei uma Medida Provisória (MP), editada este ano, que permite a prorrogação do prazo de atuação de médicos estrangeiros no programa por mais três anos. 

O prazo para aprovação do projeto é apertado. Não há garantias nem de que o texto seja aprovado na Câmara dos Deputados. O presidente, Rodrigo Maia (DEM), está fazendo um esforço concentrado às segundas e às terças-feiras para que MPs sejam votadas, mas prefere não fazer previsões. Se aprovado, o texto ainda segue para o Senado, onde a MP precisa ser apresentada e também votada, o que é outro problema. A votação final do processo de impeachment da presidente Dilma Rousseff começa na quarta-feira e deve monopolizar todas as atenções por até uma semana. 

Caso o prazo de votação não seja atendido, automaticamente os profissionais estrangeiros que vieram para o Brasil há três anos para atuar no Mais Médicos - e não tiveram necessidade de validar o diploma obtido no exterior - perdem o direito de atender pacientes. E o número deverá aumentar a cada dia, conforme os contratos forem vencendo. A estimativa é de que, até janeiro, 7 mil profissionais (a maioria de cubanos) completem o prazo máximo de permanência no País.

Fonte: FEMURN.

Governo autoriza uso das Forças Armadas nas eleições municipais

Decreto do presidente interino Michel Temer publicado na edição desta terça-feira, 23, do Diário Oficial da União (DOU) autoriza a atuação das Forças Armadas durante a votação e a apuração das eleições 2016.

O objetivo da medida é a garantia da ordem pública no pleito, marcado para 2 de outubro.

Os locais e o período de atuação das Forças Armadas serão definidos de acordo com requisições do Tribunal Superior Eleitoral (TSE), segundo a norma.

Fonte: De Fato.

Silveira Júnior e Tião da Prest tentam na Justiça impedir candidatura de Rosalba Ciarlini

Os candidatos Silveira Júnior (PSD) e Tião da Prest (PSDB) impugnaram o pedido de registro de candidatura da candidata Rosalba Ciarlini (PP), vista como favorita a vencer a disputa pela Prefeitura de Mossoró.

Os dois pedidos foram dado entrada nesta segunda-feira (22) na 34a zona eleitoral, responsável pelo registro de candidaturas.

Silveira e Tião alegam que Rosalba estaria com débito na Justiça Eleitoral, com multas pendente na Dívida Ativa da União; e que ao ser condenada a pagamento de multa nas eleições de 2012, estaria alcançada pela Lei da Ficha Limpa.

Eles também alegam que Rosalba tem condenação em colegiado, mesmo que para pagamento de multas, e que por isso não pode ter o registro de candidatura deferido pela Justiça Eleitoral.
Os questionamentos eram esperados. Silveira e Tião já haviam dado sinais de que esse seria o caminho para suplantar Rosalba, uma vez que eles não tem perspectivas de vencer no voto.

Rosalba, porém, continuará em campanha normalmente, uma vez que cabe ao juiz da 34a zona eleitoral, Cláudio Mendes, decidir pelo acolhimento ou não das ações.


Fonte: Blog Cesar Santos/De Fato.

segunda-feira, 22 de agosto de 2016

Assassinato de mulheres aumenta ainda mais. Kelps quer pressa nas ações contra onda de feminicídio

O deputado Kelps Lima vai pedir aos demais deputados da Assembleia Legislativa pressa na votação do projeto de lei que autoriza a Justiça a colocar tornozeleira eletrônica em homens que agridem as mulheres.

Segundo relato do Portal G1, edição de domingo 21 de agosto, 11 mulheres tinham sido assassinadas nos 11 dias anteriores à reportagem. Média de um homicídio por dia no período.

“Acredito que nunca, nos tempos atuais, tantas mulheres foram assassinadas em tão pouco tempo no Estado. É preciso uma ação rápida, imediata, de todos os setores organizados da sociedade. Cada um no seu âmbito de atuação", pede o deputado.

"Justiça pode autorizar os mandados contra os suspeitos de forma mais célere, a polícia prendendo os acusados com força tarefa didática, para mostrar à sociedade que a tolerância contra este tipo de crime acabou; o Ministério Público adiantando as denúncias no prazo legal menor possível para demandar os julgamentos, e a Assembleia fazendo a parte dela de criar um mecanismo prático, barato e eficiente, que é a lei que obriga o uso de tornozeleira para o homem acusado de ameaçar as companheiras”, explicou Kelps.

Com a tornozeleira, os pretensos agressores vão ter mais controle pela sociedade. Todas às vezes que se aproximarem da vítima que ameaçaram, as autoridades vão ser avisadas pelo sistema eletrônico e poderão ordenar a prisão imediata, antes que ocorra a tragédia.

Senado tem últimas votações antes de impeachment e eleições municipais

O início do julgamento do impeachment da presidenta Dilma Rousseff, na próxima quinta-feira (25), não será o único evento importante na agenda do Sendo esta semana. Antes de começar a discutir se a presidenta cometeu crime de responsabilidade, os senadores terão de se debruçar sobre pautas importantes que precisam ser analisadas até quarta-feira (24), em razão da agenda política congestionada neste segundo semestre.

A mais importante delas será a Proposta de Emenda à Constituição da Desvinculação das Receitas da União (DRU), que libera 30% do orçamento para ser utilizado livremente pelo governo, sem vinculação a rubricas específicas. A PEC deveria ter sido votada na última semana, mas o plenário não alcançou o quórum necessário para a deliberação.

Também está na pauta o projeto de lei que altera a Lei de Responsabilidade Fiscal para tornar ainda mais duras as regras de gastos futuros com pessoal na administração pública. O projeto proíbe prefeitos, governadores e o presidente da República de conceder aumentos salariais que comecem a valer após o fim dos mandatos.

Além dessas, outras propostas podem ser inseridas na pauta por acordo com o presidente do Senado, Renan Calheiros (PMDB-AL). Esta será a última oportunidade em meses para que os senadores se dediquem a votar projetos, especialmente os que necessitem de quórum qualificado para apreciação.

A expectativa é de que os senadores só voltem a se reunir com foco na pauta da Casa após o segundo turno das eleições municipais, no fim de outubro. Após o julgamento do impeachment, previsto para terminar na terça-feira (31) mas podendo se estender por mais tempo, a previsão é de que os senadores voltem aos estados para participar das campanhas de seus candidatos às prefeituras.

A partir de novembro, quando retornarem após as eleições municipais, será a vez de os senadores começarem outra campanha, para a da escolha Mesa Diretora do Senado. Embora a eleição dos membros da Mesa, entre eles o futuro presidente do Senado, só ocorra em fevereiro do ano que vem, o tema já deverá tomar corpo no fim de deste ano, com as composições entre os partidos começando a se formar.

Agencia Brasil.

TSE a TREs: doação irregular nem sempre é inelegível

O TSE deve aprovar nesta semana uma orientação extra aos tribunais regionais eleitorais. Quer deixar claro que a condenação por doação irregular não torna o condenado inelegível. Tudo dependerá da gravidade do ato. 

De acordo com a coluna Painel, o TSE, portanto, reforçará o entendimento de que as doações só serão ilegais se configurarem abuso de poder econômico. O esclarecimento da corte beneficia Michel Temer, condenado por doar além do teto — R$ 16 mil acima do limite. 

Pesquisa do Estudo Geral de Meios, da Ipsos, mostrou que 77% reconhecem o poder da TV. O percentual, porém, é quase igual aos que citaram a internet: 76%. O investimento na campanha online deve ser incrementado nesta eleição. (Painel – Folha de S.Paulo)

Fonte:Robson Pires

domingo, 21 de agosto de 2016

Dr. Pinheiro e Eliésio de Bom encerram primeira carreata nos “braços do povo”






Após um dia de visitas ao Distrito de Melancias na zona rural de Apodi neste domingo 21, os candidatos da “Coligação Apodi que Queremos”, Dr. Pinheiro (SD) e Eliésio de Bom (PHS), encerraram a movimentação com uma grande carreata, e passeata pelas Ruas da cidade.

No largo da ponte, entrada e saída da cidade, tradicional ponto de grandes encontros políticos, centenas de pessoas aguardaram e logo após a chegada saíram em passeata e carreata pela Rua de Chagas de Amâncio, Adrião Bezerra e Avenida Marechal Floriano Peixoto, encerrando no Calçadao da Lagoa do Apodi, uma das obras de Dr. Pinheiro quando prefeito.

No calçadão de forma improvisada Dr. Pinheiro e Eliésio de Bom agradeceram o apoio do povo, e convidaram para a próxima visita oficial da Coligação que acontece no Bairro Malvinas na quinta-feira próxima, mas antes disso varias comunidades serão visitadas pelos dois candidatos e correligionários.

Kelps e Magnólia fazem campanha nos bairros da Zona Norte



Kelps e Magnólia começaram a campanha de rua pela disputa à Prefeitura do Natal. Kelps é candidato a prefeito. Magnólia Figueiredo é candidata a vice.

Na noite deste sábado, 20 de agosto, eles participaram de eventos coordenados por três candidatos a vereador do Partido Solidariedade: Jackson Capixaba, Anderson Lopes e Eudiane Macêdo.

Os três eventos ocorreram na Zona Norte e em todos eles os candidatos a prefeito e vice-prefeito de Natal foram muito bem recebidos. 

Kelps usou um megafone para pedir votos na rua. 

Poço de Tilon/Olé é campeão da I Copa Soledade de futsal


Chegou ao fim ontem a noite 20, a I Copa Soledade de Futsal, com um grande jogo envolvendo as equipes de Marmotas x Poço de Tilon/Olé que atraiu centenas de pessoas a quadra de esportes do Distrito de Soledade em Apodi.

Dentro de quadra a equipe do Poço de Tilon/Olé levou a melhor sobre o Marmotas vencendo por 3x1 e garantindo a premiação de R$ 2,000,00, já o vice ficou com R$ 1 mil reais.

O organizador do evento, desportista Petinha comemorou o êxito da competição e já projeta mais uma competição com a participação de 24 equipes.

sábado, 20 de agosto de 2016

Grupo de mulheres de Agrovila Palmares comemora 10 anos de organização


Na tarde deste sábado 20,  o grupo de mulheres da comunidade de Agrovila Palmares na Chapada do Apodi celebrou seus dez anos de organização, com presença de moradores e entidades sindicais, com discursos e apresentações culturais.

Estiveram presentes o presidente do STTR Aguinaldo Fernandes, representante do Centro Feminista 08 de março, Centro Terra Viva Cláudia Mota, entre outras autoridades.

O grupo de mulheres é denominado “juntas venceremos”, pelas lutas enfrentadas ao longo dos anos, e as vitorias conquistadas.

Prefeitura não disponibiliza ônibus para professores de escola da zona rural de Apodi

Os professores que lecionam na Escola Municipal Francisco Targino da Costa do Distrito de Soledade em Apodi passaram por uma situação constrangedora, em detrimento da falta de transporte nesse sábado 20, por parte da PMA.

 Mesmo a prefeitura não disponibilizado o ônibus eles foram por conta própria, e chegando a unidade de ensino, a direção da escola já havia dispensado os alunos, com isso não houve aula.

Final da I Copa Soledade de futsal acontece hoje

Logo mais as 20h00minh acontecerá na quadra (INACABADA) de esportes do Distrito de Soledade em Apodi, a grande final da I Copa Soledade de Futsal, que começou a cerca de dois meses e chega hoje a sua reta final.

Marmotas de Apodi x Poço de Tilon/Olé duelam pelo titulo da competição, e antes da final acontecerão partidas preliminares.